Como vencer a timidez: o guia de virilidade - Lição 3

Lição 3 - Teoria
por Sheik e Doutrinador



Antes de entrar direto nas técnicas práticas para diminuir a timidez, vamos conversar um pouco sobre algumas teorias básicas dos autores mais famosos sobre o assunto, alguns termos que confundem a galera e na parte 4 entramos com dicas poderosas e infalíveis.


Como o Doutrinador relatou nos textos anteriores, também passei minha adolescência como introvertido. Assim, na adolescência a vontade de conseguir uma namorada aumentou e comecei a ler alguns livros sobre timidez, como paquerar, etc.


Li todos esses materiais PUA sobre timidez e alguns livros mais sérios sobre o assunto. Mas, dos livros que li um explicou bem essa diferença entre introvertidos e extrovertidos. O livro se chamava “A vantagem do tímido”. De acordo com esse livro, “há um introvertido para cada três extrovertidos. Como conseqüência disso, os introvertidos precisam desenvolver habilidades para lidar com isso ao longo da vida, já que sofrerá uma grande pressão para ‘melhorar’, para agir como o resto do mundo. O introvertido é pressionado dia após dia, desde quando acorda, a reagir e seguir os moldes do mundo exterior.”


Carl Gustav Jung


O livro também falava que ninguém é 100% extrovertido ou introvertido. Algo parecido com que Jung falava: “ambas as atitudes existem dentro dele, mas só uma delas foi desenvolvida como função de adaptação; logo podemos supor que a extroversão cochila no fundo do introvertido, como uma larva, e vice -versa.  "


Freud era extrovertido e Jung, seu discípulo mais brilhante, era introvertido. Freud acreditava que o objetivo do desenvolvimento psicológico era encontrar satisfação na realidade externa. Jung e Adler (que também era introvertido) discordaram de Freud porque ele começou a usar o conceito de introversão como doentio e negativo.




Jung julgava saudável e necessário todos os pontos da régua abaixo e a medida que envelhecemos a maioria se aproxima do centro dessa régua:






Para Jung, “a extroversão e a introversão são duas atitudes naturais, antagônicas entre si, ...Em sucessão harmônica, deveriam formar o ritmo da vida. Alcançar esse ritmo harmônico supõe uma suprema arte de viver.


Jung acreditava que havia uma base psicológica para termos essas predisposições. A ciência neurológica atualmente tem descoberto que Jung estava certo. Mas é uma pena que a maioria dos psicólogos, psiquiatras e psicanalistas, hoje em dia ainda venham seguindo mais as teorias de Freud.


Como curiosidade, dois filmes interessantes que exemplificam como agem os introvertidos são: o “O Resgate do soldado Ryan”, onde um capitão introvertido comanda a tropa.


Resgate do soldado Ryan


Outro filme é “O fabuloso destino de Amélie Poulain”, onde uma moça francesa introvertida atraí um rapaz introvertido.


 O fabuloso destino de Amélie Poulain


10 principais características dos extrovertidos




- São atraídos pelo mundo externo (atividades, pessoas, lugares e coisas);
- Tendem a ocupar os espaços, são expansivas;
- Possuindo uma facilidade um pouco maior para se adaptar a situações externas;
- Longos períodos de relaxamento, contemplação interior, solidão ou companhia de uma única pessoa lhes tiram o estímulo;
- Gostam de tomar a iniciativa;
- Expressam-se com facilidade;
- Gostam de conversar superficialidades;
- Conseguem improvisar quando não sabem um assunto;
- Possuem muitos amigos;
- Pensam e falam ao mesmo tempo;

10 principais características dos introvertidos


- É voltado para o mundo interno (idéias, impressões, emoções)
- Precisa de locais tranqüilos pra pensar melhor;
- Sente o mundo externo como algo ameaçador;
- As impressões sobre esses objetos externos são mais marcantes que os objetos sem si;
- Se sentem desgastados quando interagem muito com o mundo externo;
- Preferem assuntos mais profundos e importantes a superficialidades;
- Como não consegue improvisar, preferem falar de um assunto quando estudam ou lêem tudo ou quase tudo daquele assunto;
- Absorve a informação externa, reflete e amplia;
- Possuem menos amigos, mas com mais qualidade;
- Hesitam antes de falar.




Uma diferença interessante entre extrovertidos e introvertidos é que o introvertido tem um “desgaste psicológico” quando se volta muito para fora e enfrenta estímulos externos (festas, reuniões, etc). É como se o introvertido fosse um “sedentário em interações sociais” e por isso quando é focado a exercitar seus “músculos sociais” ele vai se desgastar rápido por não está acostumado a fazer isso, já o extrovertido se exercita socialmente todo dia e toda hora.


OBS.: Antes de começar nosso “treinamento social” com as dicas e técnicas é muito importante primeiro você verificar que nível de timidez você está. Abaixo vamos conceituar e diferenciar alguns termos interessantes para verificar se você não tem algo mais grave que uma timidez.


Introversão – capacidade saudável de entrar em contato com seu mundo interior. Os introvertidos gostam de conversar e possuem habilidades sociais, porém preferem conversar com uma única pessoa, enquanto as atividades em grupo representam excesso de estímulo e os cansam mais rápido.




Timidez - ansiedade social, acanhamento extremo quando se está rodeado de pessoas. Pode ter raízes genéticas, mas também pode ser adquirido a partir de experiências na escola, com amigos e com a família. Falta de autoconfiança em situações sociais. Medo do que os outros pensarão de você. Produz suores, tremores, vermelhidão no rosto, palpitações, excesso de autocrítica e uma sensação de que as pessoas estão rindo de você. Sensação é que você está sozinho e tem um holofote de luz sobre você e o seu desejo é sumir pra outro lugar, igual no filme “Jumper”. A timidez não é o que você é (como a introversão), por isso é suscetível a mudanças. Os extrovertidos que tem necessidade de estar com outras pessoas podem sofrer mais se forem tímidos. A boa notícia é que é possível aprender estratégias para alterar seu comportamento e reduzir significamente sua timidez.




Timidez amorosa – um tímido amoroso geralmente é virgem e possui muita dificuldade em iniciar qualquer diálogo com mulheres por causa de um forte sentimento de ansiedade. Grande parte sofreu abuso físico e psicológico dos pais e frequentemente não puderam obter qualquer apoio emocional. No filme “O Virgem de 40 Anos”, o ator Steve Carell interpreta um homem de meia-idade, que sofre de timidez amorosa.




Fobia social – ansiedade e ataque de pânico quando em grupos sociais, tremores, suores, palpitações e isolamento social. Temor por estar sendo observado e avaliado. Ao contrário da timidez, a pessoa que tem fobia social não consegue melhorar sem tratamento psicológico.




Misantropia - Os misantropos expressam uma antipatia geral para com a humanidade e a sociedade, mas geralmente têm relações normais com indivíduos específicos (familiares, amigos, companheiros, por exemplo). Um misantropo é alguém que odeia a humanidade de uma forma generalizada. Muitos gostam de viver em isolamento.




Transtorno de personalidade esquiva - caracterizado por um padrão predominante de inibição social, sentimentos de incapacidade, sensibilidade extrema a críticas ou repreensões, e uma tendência à solidão ou isolamento. Pessoas que apresentam o transtorno de personalidade esquiva vêem a si mesmas como socialmente inadequadas e não atraentes e evitam contato social por medo de serem ridicularizadas, humilhadas ou desprezadas. O transtorno de personalidade esquiva não deve ser confundido com o transtorno de personalidade esquizóide. Enquanto os esquizóides apresentam falta de interesse nas relações sociais, os esquivos têm muito interesse, mas sua timidez excessiva age como um bloqueio em tais relações. Outra diferença é que os esquizóides são imunes às críticas e a elogios, e esquivos são muito sensíveis às mesmas.




Esqueizóide – São pessoas que não possuem interesse em relações sociais. Possuem tendência ao isolamento e à introspecção, e frieza emocional, por terem medo de se tornarem vulneráveis. Na maioria dos casos, os indivíduos cresceram em lares traumatizantes e/ou negligentes.




Síndrome de Aspesger – se você se interessa por um único tema, tem manias repetitivas diárias estranhas, não tem coordenação motora e é totalmente antissocial. Você pode ter essa síndrome. Se você acha que possuí essa síndrome muitas pessoas famosas, atores de Hollywood e até bilionários possuem ou já possuíram essa síndrome quando crianças. Alguns exemplos de pessoas que têm ou tiveram essa síndrome: Charles Darwin, Bill Gates, Mozart, Albert Einstein, Nietzsche, etc. Mais detalhes de nesse site: http://sindrome-asperger.dimensionebrasile.com/tag/famosos-com-sindrome-de-asperger/
Filmes sobre a Síndrome de Aspesger - http://www.parallax.com.br/anjosdebarro/tmp/filmes.htm


Fim da parte 3.


*Sheik Ghalib é colaborador do Blog do Doutrinador. Leia mais posts com a colaboração de Sheik aqui.


***

Série "Como vencer a timidez, o guia de virilidade", em 4 lições


Lição 1 - Introdução: Timidez não é doença
Lição 2 - Aparência e contato
Lição 3 - Descubra é o seu tipo de timidez
Lição 4 - Dicas poderosas e infalíveis

Comentários

  1. bom post doutrina...timidez é uma merda,a pessoa q é tem q se esforçar muito pra sair dessa situaçao, uma pessoa assim dificilmente conseguira se impor no seu local de trabalho,ser um lider.

    ResponderExcluir
  2. Porra, esse post foi um esculacho. Me identifiquei muito com a figura do boneco vermelho entre os bonecos brancos. Já li algumas coisas a respeito, mas esse post trouxe muitas informações novas. Eu realmente não tenho "resistência social", pois mesmo estando em grupos pequenos de amigos de longa data, não consigo passar dias de interação, como ocorre numa viagem, sem me sentir cansado ou incomodado.

    Post muito bom mesmo, nunca pensei do ponto de vista que esse é o meu comportamento natural e que não tenho de me sentir culpado ou forçar irracionalmente um comportamento contrário. Valeu, aguardando a parte 4!

    ResponderExcluir
  3. Sou exatamente como o cara acima,porém acho que não sou totalmente "introvertido",já que há vezes em que eu gosto de ficar rodeado de pessoas zuando/brincando/conversando e etc. , mesmo que estes sejão desconhecidos.

    ResponderExcluir
  4. jah dei uma olhada... amanha com mais calma irei ver mais do blog, eu sou o se pá lá do chat ^^
    ateh mais

    ResponderExcluir
  5. sofro da amorosa, acompanhando os posts, abraço.

    ResponderExcluir
  6. Que Quizer Comentar Lá No Fórum O link ta aqui:
    http://www.homenshonrados.com/forum/viewtopic.php?f=2&t=1006

    ResponderExcluir
  7. Muito bem feito a abordagem dos conceitos psicanalíticos.

    Eu sou introvertido boa parte do tempo mas tem dias que me apresento extrovertido. Porém creio que sou introvertido por me desgastar com relações sociais.

    ResponderExcluir
  8. Fazer um teste de personalidade MBTI é uma forma bem legal de descobrir um pouco mais de si mesmo e trabalhar os pontos 'negativos'.

    ResponderExcluir
  9. Tenho timidez Amorosa...
    Sou considerado bonito pelas garotas, já li Nessahan outros blogs sobre virilidade e fui aprovado em todas as etapas, sendo que hoje existem varias garotas afim de mim. Mas eu não consigo falar pra uma garota que eu gosto dela, não consigo no popular “chegar”. Não adianta eu travo, não sei o que dizer e falo besteira. Na hora eu suo frio, coração dispara..
    Quando saio com amigos geralmente são eles que fazem os “lados” pra mim, porque se eu tiver que chegar em alguma garota simplesmente vou falar besteira e não sei distinguir o momento de falar e o de agarrar e beijar :\
    Doutrina: vim migrado do blog do Sílvio Koerich, pois ele esqueceu definitivamente de postar lá! Gostaria que você ou algum colaborador seu fizesse um post sobre essa parte de como falar pra alguma garota que gosto dela (quando não é só ficar e sim namorar serio mesmo) e técnicas para que dê certo e como saber o momento em que eu possa beijar ou não (aquela situação de falar com a garota e saber se beija ou não beija).
    Não sou tímido com ninguém, olho todos nos olhos, e todo mundo diz que tenho tendência a liderança, mas eu travo na hora de me “abrir pra uma garota” (não sei se essa expressão é a correta, mas você entendeu).
    Saudações,
    Que a Honra esteja conosco,
    Sou seu novo leitor.

    Obs:não consigo postar comentários com minha conta wordpress.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Mulheres rodadas: DIGA NÃO

Como lidar com um término de relacionamento

Mangina - O que é? - Parte 1