Como vencer os testes emocionais femininos



Muitos homens acham que vão conseguir lidar com a mulher e vencer os testes femininos lendo materiais de sedução e manuais de cafajestes inúteis. Se você é um destes, gostaria de ver sua cara de paspalho desesperado sendo vencido facilmente num teste emocional rigoroso por uma fedelha de 16 anos.

Os homens têm idéia de que ser cafajeste ou comedor é muito difícil e endeusam canalhas como se fossem mestres em mulheres. Fico pensando, qual a dificuldade de pegar a mulher quando ela está acessível, dócil e submissa, apenas abrindo suas pernas através de comportamentos emulados e máscaras, e pular fora quando começam os joguinhos de poder e sacanagens?

O verdadeiro valor honrado do homem dentro do relacionamento aparece quando ele é testado sem piedade por uma mulher e consegue dobrá-la afirmando sua liderança.

PUA: Um método incompleto

Tudo o que os livros PUA (Pick-up artist) ensinam é como abordar mulher, como derrubar indiferença na abordagem, como você ser mais desinibido etc (ou seja, como se tornar um ator e um grande mentiroso). Mas as instruções servem no máximo para você abordar mulher e levá-la pra cama. Depois disso deve descartá-la e recomeçar o processo com alguma mulher desconhecida, pois se continuar com ela o PUA não te ajudará em nada e sua máscara mentirosa também não funcionará uma vez que ela o tiver desmascarado. É por isso que cafajestes sempre evitam ser descobertos: pois uma vez desmascarados, suas mentiras não surtirão mais efeito e serão vencidos por elas.

Concluímos então que, na visão sobre lida com as mulheres, os livros de sedução e PUA são materiais incompletos. Eles te ensinam a vestir uma máscara, mentir e ser um ator, mas não prestam para se você for submetido a um teste emocional rigoroso ou induzido ao apaixonamento.

É por isso que muitas vezes vemos cafajestes conhecidos no bairro sendo “enlaçados” por alguma mulher e se tornando homens perdidos e completos paspalhos nas mãos delas. Ficamos de cara em como aquele cafa desapegado de repente se tornou um maridinho submisso. Muitos acham cafajestes corajosos porque não tem medo de abordar mulheres, porém, muito mais corajoso é quem entra no olho do furacão e enfrenta um relacionamento superando todos os jogos de poder e vencendo como líder. Agora que aprendemos que cafajestes não são exemplos masculinos na lida com mulheres e que seus artigos são imprestáveis para isso, vamos aos riscos do relacionamento.

O risco dos relacionamentos


“As fêmeas atormentarão sempre os machos que não souberem dominá- las por meio de uma vontade poderosa e de uma severidade extrema. Sentem grande satisfação ao criarem quebra-cabeças e jogos emocionais; se comprazem em nos observar sofrendo ao tentar desarticulá-los. Quando nos vêem no sufoco, desesperados para sair das tramas psicológicas que criam, ficam felizes e podem medir nossa persistência para, assim, avaliar até que ponto conseguiram nos fascinar. Tenha sempre a razão do seu lado para não cair de cabeça no precipício.” – NESSAHAN ALITA, Como Lidar com Mulheres, pág. 38.

Risco e mulher caminham juntos. Todo e qualquer relacionamento tem jogos. Enquanto você estiver convivendo com uma mulher, será sempre testado e passará por jogos de poder.

“Se você tem uma namorada ou esposa já deve ter percebido que ela costuma sempre resistir contra quase tudo o que você quer, principalmente em dar sexo exatamente na hora em que você está precisando. Esta resistência é natural e não devemos protestar. São obstáculos que seu inconsciente nos coloca para ver se conseguimos superar e provar nosso valor masculino” - NESSAHAN ALITA, Como Lidar com Mulheres, pág. 52.

Sim. Não existe uma mulher no mundo que esteja livre de querer jogar com os parceiros, porque isso é da natureza feminina. Não fique feito um paspalho procurando uma mulher que nunca faça jogos com você. Não existem. Elas necessitam de instabilidade na relação para justificar as emoções de uma reconciliação e precisam desafiá-lo para provarem se você ainda é um líder respeitável e ver se merece respeito, por isso farão testes para avaliar isso pelo resto da sua vida (calma paspalho, os testes diminuem gradativamente com o tempo, conforme você os for vencendo).

Por isso, o fato de uma mulher testá-lo ou jogar com você não significa que ela seja imprestável para relacionamento. Absolutamente todas farão jogos com o parceiro esperando que ele as vença sem piedade. Ceda e você será visto como um paspalho imbecil. Supere-as, puna as birras emocionais e ganhe respeito.

Alguns testes, porém, revelam que a mulher é imprestável para relacionamento. Não seja otário! Não namore mulheres que fazem testes mais sujos como beijar outro cara e fazer sacanagens sujas pra te provocar, que insinuam ou de fato dão o rabo pra outro pra te fazer ciúme, que cometem indecências na frente dos outros como mostrar a bunda e seios intencionalmente etc. (sim, tem caras que toleram esses jogos).

A tática do espelho


Existem inúmeros testes que a mulher aplica no homem dentro de um relacionamento. O método para quebrar esses joguinhos muitas vezes depende do que está sendo testado, mas existe um modus-operandi ou comportamento padrão que irá lhe ajudar num momento de indecisão.


Seja sério e frio quando ela estiver birrenta, indisciplinada, querendo testá-lo, quando estiver putinha, de TPM, irritadiça, calada e folgada. Ela vai provocá-lo até seu limite, mas permaneça frio. Puna o silêncio com MAIS silêncio até que ela não suporte sua indiferença. Mas advirto: só desapaixonados conseguirão vencê-las.

“Nunca se polarize na distância ou no carinho, alterne.” – Nessahan Alita

Nem só de frieza vive uma relação (não polarize, paspalho). Seja gentil e acessível quando ela lhe fizer um pernil assado para o almoço, quando ela for carinhosa e demonstrar respeito, quando lhe tratar bem e der sexo de qualidade, etc.

O erro de alguns é achar que incentivo os homens a serem imbecis que vivem ignorando a mulher. Sejam frios sempre e recebam um par de guampas no meio da cabeça. Relacionamento não é só tortura e disputa. Se pensa assim, volte para seu porão e fique se masturbando lá até apodrecer. Há bons momentos de trégua no relacionamento e este você deve aproveitar.

Sempre que estiver em dúvida sobre como vencer um teste emocional, use a tática do espelho: seja frio e folgado em maior intensidade quando ela estiver fria e folgada, e fique tranqüilo e acessível em maior intensidade quando ela estiver tranqüila e acessível.

Porque as mulheres geralmente vencem os jogos emocionais

A maioria dos homens faz o contrário do que apontei anteriormente: as tratam como princesas quando elas estão folgadas e birrentas, pois ficam com medo de perdê-las. Tornam-se faladores quando elas estão caladas e insistem em saber o que está acontecendo. Com isso, acabam viciando as mulheres.

Esses paspalhos esquecem que mulheres definitivamente são seres infantis. Seguem o arquétipo do mau pai, que dá doces para a criança quando ela esperneia e a vicia a criança a sempre ficar folgadinha quando quer alguma coisa. Faça isso com sua mulher ela sempre vai ficar folgada e te tratar como um pedaço de lixo quando quiser alguma coisa, fazendo um inferno na sua cabeça até que você se renda. Puna essas birras logo no começo e não ceda e ela aprenderá que não pode vencê-lo sendo folgada.

Honre essas duas nozes minúsculas que você chama de bolas e vença nos relacionamentos de uma vez por todas. Controle a si mesmo, seus sentimentos e seu próprio pau. Não espere piedade e altruísmo feminino. Não peça migalhas. Só assim conseguirá superá-las.

Comentários

  1. Amigo Doutrina,

    Esse post é um dos melhores do blog. Parabéns. Ficou muito bom.

    Venho estudando PUA há alguns anos e você realmente resumiu bem: é um método de teatralização, com técnicas enlatadas que concebem o processo de sedução como um protocolo, como uma tabela do Excel.

    Eu também já conheci vários cafas que se tornaram submissos à primeira mulher que os conseguiu domar. O interessante é que eles se tornam os homens mais subalternos e dóceis, justamente porque não adquiriram as habilidades que só os relacionamentos de médio-longo prazo podem ensinar.

    abrs,
    Max Wolfen

    ResponderExcluir
  2. misture N.A com P.U.A e esteja preparado para o sucesso;
    eu sinceramente não vejo muito o PUA como teatro e excesso de mentiras, vejo mais como técnicas de abordagem, que sempre foi um problema para a maioria dos homens, é claro que tem uns que abusam das histórias, mas só os openners, algumas rotinas e uma postura de alpha já são mais que suficientes;
    excelente texto, abraços

    ResponderExcluir
  3. Olha Doutrina em primeiro lugar mto bom o post. Mas pessoalmente eu acho que esse PUA não são de um todo inúteis, digo se eles ajudarem alguém a perder a timidez já é alguma coisa e vale como crescimento pessoal, falo isso no sentido de auto-ajuda e não de prática.

    Sobre as mulheres, acho que nem todas fazem jogos, Nessahan Alita mesmo fala que existem mulheres sinceras(casos raros) mas existem, inclusive em um de seus livros ele fala bastante sobre o profano e o sagrado feminino. E como tudo na vida existem algumas que fazem poucos jogos e outras que são espertinhas implacáveis que independente da força de vontade do seu macho não param nem fudendo por serem vadias cruéis.

    No mais o blog está foda e continue assim mah.

    Abs.

    ResponderExcluir
  4. "Risco e mulher caminham juntos. Todo e qualquer relacionamento tem jogos. Enquanto você estiver convivendo com uma mulher, será sempre testado e passará por jogos de poder."

    Gostei dessa frase!

    Mas sobre essa, eu tenho uma dúvida:

    Seja sério e frio quando ela estiver birrenta, indisciplinada, querendo testá-lo, quando estiver putinha, de TPM, irritadiça, calada e folgada. Ela vai provocá-lo até seu limite, mas permaneça frio. Puna o silêncio com MAIS silêncio até que ela não suporte sua indiferença. Mas advirto: "só desapaixonados conseguirão vencê-las."

    “Nunca se polarize na distância ou no carinho, alterne.” – Nessahan Alita

    OK, mas vamos supor que a mulher esteja de boa e tal, como vc vai dar carinho a uma mulher que vc não esta apaixonado? Isso é que eu não entendo. Quando a mulher dá carinho e cozinha legal, essa coisa toda que vcs gostam e a mulher tem que fazer, vcs dão "carinho" fingindo que estão apaixonados?

    Eu não entendo a questão do desapaixonamento. Alguém pode me explicar...

    Tipo, mesmo eu fazendo minhas obrigações de mulher, como cozinhar bem pro marido, dar carinho, apoio e etc. (Coisa que eu amaria fazer) Gostaria de ser correspondida com carinho sincero de um homem apaixonado por mim.

    Não sei se alguém vai entender minha colocação, enfim...

    ResponderExcluir
  5. Minha maior dúvida fica nessa frase:
    "só desapaixonados conseguirão vencê-las."

    ResponderExcluir
  6. Você é incapaz de entender por ser mulher.

    Mulheres só teatralizam com homens pelos quais sente nojo. Os homens podem se relacionar desapaixonadamente com QUALQUER MULHER.

    Grande Doutrina, o post foi devastador! PUA é uma bosta, o negócio é assumir postura de homem e mandar ver com os ensinamentos de NA.

    ResponderExcluir
  7. Viviane acredito que um relacionamento não seja só amor, paixão e toda essa baboseira que as novelas e filmes empurram nas pessoas.

    Um relacionamento é companheirismo e cúmplicidade e concerteza vc consegue ser carinhoso com uma pessoa a qual vc gosta. Nessahan Alita em seus livros fala sobre o amor como sendo um sentimento benigno e não egoísta como a paixão.

    Um homem apaixonado é um homem fudido que não consegue enxergar as coisas como realmente são e se consegue não tem chance nenhuma contra os joguinhos mentais que uma mulher pode vir a jogar.

    ResponderExcluir
  8. Cara é totalmente verdade que a comunidade PUA só te ensina a fingir ser um Alpha, recomendo "Seduction Community Sucks" Livro que desmascara toda a comunidade PUA.

    ResponderExcluir
  9. Um dos melhores textos do blog até hj
    um abraço doutrina
    vc a cada dia abre meus olhos quanto a honra e valores.

    obrigada

    As.: Uma mulher que embora saiba que não é perfeita gostaria de ter nascido em outra epoca.

    ResponderExcluir
  10. sou mulher e tenho a mesma dúvida da Viviane.

    como saber quando o homem está de fato sendo sincero? (no caso de uma mulher honesta e que dá pra ele o carinho e apoio que precisa)

    ResponderExcluir
  11. VIVIANE:

    "Eu não entendo a questão do desapaixonamento. Alguém pode me explicar... Gostaria de ser correspondida com carinho sincero de um homem apaixonado por mim."

    É difícil explicar isto para uma mulher, a partir de uma perspectiva masculina. Mas basicamente o que você quer é que o homem "ame" você de corpo e alma, e não que seja meramente apaixonado. Você quer a entrega total.

    Para que aconteça isso você terá que seduzi-lo completamente e este processo não é tão lógico assim. É necessário que haja uma conexão emocional e espiritual mais profunda entre os dois e quando houver você saberá e até será mais fácil seduzi-lo do que um homem com o qual você não tem essa conexão.

    Outras dicas: quando realmente houver amor dele por você, você sentirá e será inclusive capaz de se entregar ao ato sexual totalmente e experimentar o orgasmo mais facilmente. O orgasmo neste caso não é meramente vaginal ou genital (no homem). É completo.

    Tem como traduzir isto em palavras? Me explique como um homem pode saber se uma mulher o ama de verdade? Acredito que os dois processos são coincidentes: não há como um homem amar de verdade uma mulher sem que ela o ame também.

    ResponderExcluir
  12. DOUTRINADOR:

    Excelente artigo!

    Como tenho dialogado com o "Perito Bull" no Blog do Sívio Koerich, especialmente nos comentários do último artigo (sobre o significado de "Beijar Mal"), vejo as coisas do seguinte modo: a tentativa de compreendê-las e vencê-las através de joguinhos emocionais (onde elas reinam) sinaliza por si só uma forma de aprisionamento do homem, pois quem está preocupado com o que elas pensam neste caso é o homem carente e não o inverso, como deveria ser pela Vontade e Ordem Divinas.

    O recurso que o homem possui para liderar a relação é a sua razão e senso de justiça muito desenvolvidos, aguçados e penetrantes. Se ele seguir sua razão SEMPRE, saberá quando fazer concessões ou não e como liderar a relação. Poderá detectar facilmente contradições e dar a resposta adequada, e reagirá positivamente a um comportamento agradável e coerente, e poderá encontrar a paz. Como o Doutrinador sabiamente salientou é como lidar com uma criança. Como elas são seres emotivos, existe algo de permanentemente pueril e irracional em suas atitudes e escolhas, muito embora elas sempre contem com o pai para proteção e liderança, e também o tem como referência para pautar seu comportamento (sob risco de disciplina).

    Considero esses Blogs interessantes para esclarecer homens e mulheres sinceros, possibilitando especialmente aos homens que se desvencilhem dos condicionamentos, castrações e equívocos do feminazismo, dando-lhes melhores condições de descobrirem sua verdadeira essência e serem fortes na vida e em seus relacionamentos.

    No entanto, percebo que muitos amigos continuam aprisionados procurando compreendê-las e tentando se adaptar a "modelos" criados por supostos "sedutólogos" e que nada mais são que os fantasmas e demônios projetados por suas próprias inseguranças e medos de rejeição e fracasso.

    A verdadeira liberdade vem de dentro para fora.

    Pretendo me afastar um pouco dos Blogs por ora, mas pretendo acompanhá-los e talvez publicar um específico, direcionado especificamente para homens e mulheres sinceros num futuro próximo.

    Gostei muito deste artigo. Parabéns!

    ResponderExcluir
  13. Minha maior dúvida fica nessa frase:
    "só desapaixonados conseguirão vencê-las."
    -----------------------------

    Existe uma diferença entre se apaixonar e AMAR uma mulher .O homen nunca podera se apaixonar. quando o homem se apaixona ele nao consegue lidar com os jogos. A paixao é um vicio,
    cientificamente acaba em 2 ou 3 anos, depois disso vem o amor

    ResponderExcluir
  14. O amor é algo maior, universal. Leia os 4 evangelhos e as Epístolas dos Apóstolos. O amor é algo divino, dirigido a si mesmo, aos outros e ao Universo (Deus), não possessivo, egoista, compreende as falhas e as corrige. São conceitos que estão explicitados bem na obra de Jesus.

    Ps: Greve de casamentos já:

    http://www.cifras.com.br/cifra/amado-batista/casamento-forcado

    M

    ResponderExcluir
  15. Obrigada pela resposta rapazes.

    "Um homem apaixonado é um homem fudido que não consegue enxergar as coisas como realmente são e se consegue não tem chance nenhuma contra os joguinhos mentais que uma mulher pode vir a jogar"

    Realmente o amor não deve ser confundido com a paixão. Realmente um homem apaixonado não segura as rédeas, a frieza é necessária.

    Mas pra conseguir o amor do homem, uma mulher deve fazer de tudo para ele.

    Uma vez eu li, não sei se foi aqui ou no blog do Silvio, em um comentário, que o homem demonstra afeto quando deseja sua mulher através do sexo.

    Então se meu marido me desejar, é sinal que ele me ama...

    Bem, entendi assim. Abraços

    ResponderExcluir
  16. "Esses paspalhos esquecem que mulheres definitivamente são seres infantis. Seguem o arquétipo do mau pai, que dá doces para a criança quando ela esperneia e a vicia a criança a sempre ficar folgadinha quando quer alguma coisa. Faça isso com sua mulher ela sempre vai ficar folgada e te tratar como um pedaço de lixo quando quiser alguma coisa, fazendo um inferno na sua cabeça até que você se renda".

    Falou tudo grande mestre! Qualquer homem que ja tenha passado por qualquer relacionamento com mulheres sabe que elas jogam ao extremo;jogam seus sentimentos, desejos de sexo contra vc mesmo e se dão o luxo de serem eternamente infantís. O homem que cair nesse jogo tá fudido.

    ResponderExcluir
  17. "Controle a si mesmo, seus sentimentos e seu próprio pau. Não espere piedade e altruísmo feminino. Não peça migalhas. Só assim conseguirá superá-las".

    Essa pra mim foi a melhor parte que postou e falou tudo. Domine seus próprios sentimentos ou seja NÃO AME AS MULHERES, gostar já é mais do que o suficiente por que mulheres, como dizia Nessahan não gostam de homens mas delas mesmas.

    homens não deve esperar altruismo de mulher por que não há! Mulheres não se importam com sentimentos de homens o que pra elas é um sinal de fraqueza, por isso o homem tem que desenvolver a masculinidade e nunca amar uma mulher por que isso, para o homem é suicídio por que a mulher não ama o homem de verdade!

    A cabeça de baixo tem que obedecer a cabeça de cima!

    ResponderExcluir
  18. viviane said: "mas vamos supor que a mulher esteja de boa e tal, como vc vai dar carinho a uma mulher que vc não esta apaixonado? Isso é que eu não entendo. Quando a mulher dá carinho e cozinha legal, essa coisa toda que vcs gostam e a mulher tem que fazer, vcs dão "carinho" fingindo que estão apaixonados?

    Eu não entendo a questão do desapaixonamento. Alguém pode me explicar...
    _________

    Quem dera viviane se fosse verdade mesmo essa "reciprocidade amorosa" mas isso não existe.

    O que existe é uma relação inversa na medida que o homem se apaixona ou seja, quanto mais o homem se apaixona a mulher perde o interesse por ele automaticamente. O cafa se torna Betha a medida que cede ao apaixonamento.
    O homem perde o seu valor na cabecinha da mulher quando se apaixona e passa a ser visto com um homem sem pau e a mulher parte para a subjugação de outros cafas e Alphas da vida.
    Basta olhar os relacionamentos a sua volta e ver que tudo é guerra sexual, não há paz!

    ResponderExcluir
  19. Irmão Muitos homens ja estão acordando que a maioria das mulheres so veem casamento como uma transferencia de renda do bolso do Homem para a mulher, lesando-o e ocasionando inclusive várias patologias psico-sociais (Depressão, alcoolismo, suicidio). Sem um freio moral eficiente a mulher faz com o homem algo pior que no mito Sansão e Dalila. Portanto a Greve de casamento é nada mais que uma defesa natural legítima!
    Um abraço a todos

    ResponderExcluir
  20. VIVIANE:

    "Então se meu marido me desejar, é sinal que ele me ama..."

    Sim. Para o homem não existe amor sem sexo. No entanto, o simples fato de um homem desejar você sexualmente não significa que ele ama você, especialmente se você não fez nada para ele desejar você.

    Aí que é a maioria das mulheres entram pelo cano. Querem um "marido pronto" e tendem escolher os homens pelo critério sexual. Assim, por exemplo, associam a amor o fato de um dono de um harém desejá-las sexualmente por uma noite, mas desprezam o romântico apaixonado por ela que já está há vários meses bajulando e mimando ela na esperança que ela abra as pernas para ele.

    A sua melhor aposta é seduzir um homem romântico e apaixonado por você, fazendo ele desejar você sexualmente. Aí você talvez conseguirá converter a paixão dele em amor, e terá um parceiro dedicado.

    Agora não fique se iludindo que você vai conquistar facilmente um "Perito" (desculpa amigo rsss) desapegado num marido dedicado a você. Em geral esses homens não precisam de você porque eles querem experimentar o sexo de várias mulheres e isso vai continuar depois do casamento. Para esses homens a mulher em geral é só mais uma bucenta, uma boca e um *u para se divertir. Depois que experimentou por algum tempo já não tem graça mais e tem que partir para outra.

    Agora se você quer "grandes emoções" e prefere dominar um indomável para provar o seu poder sexual para as amiguinhas, o problema é seu. E depois se ficar rodada e abandonada, pelo menos não fique usando românticos para ombro amigo ou para despejar suas frustrações e ressentimentos e faça aquilo que devia ter feito desde o princípio: ofereça sexo e carinho para quem ama e respeita você.

    Mas se você ainda assim não achar graça no romântico, então fique tentando converter um ou vários indomáveis. Aí depois que estiver bem rodada e velha, pelo menos procure um bem rodado e mais velho do que você para se casar porque afinal de contas você nunca mereceu um homem romântico e apaixonado por você.

    Isso seria uma injustiça e humilhação para ele e ele tem muita razão em se sentir assim. E lembre-se que os homens também tem uma natureza um tanto dupla: querem uma vadia na cama e uma dama (virgem) para se casar. Se eles se envolvem com uma vadia o problema é deles e não seu.

    Siga em frente e não abra mão de seus princípios e valores. De certo modo, a sua virgindade é que mantém o seu "valor de mercado" alto para os homens. Então escolha bem a quem entregá-la ou o problema é seu. Consulte suas vós e elas poderão lhe orientar sobre suas escolhas melhor do que suas amiguinhas falsas que só querem ferrar você.

    ResponderExcluir
  21. 'Não espere piedade e altruísmo feminino."

    talento puro

    ResponderExcluir
  22. Nelson Rodrigues falou uma das maiores verdades quando disse que gênio é aquele que enxerga o óbvio e este post é a síntese disto que ele disse. Parabéns Doutrinador, este post pra mim o terei como um mantra, será algo que vou cravar na minha mente para todo o sempre. Interessante também os comentários dos guerreiros da real também que contribuíram muito! Bacana ver que a cada dia surge um pouco mais de luz que permite a mim e a muitos outros sair do abismo da ignorância e ser cada vez mais homem de verdade longe da matrix. Força sempre!! Estaremos sempre contigo!!

    ResponderExcluir
  23. Karalho Doutrina, destruindo mais uma vez.

    ResponderExcluir
  24. Viviane, eu acho que no texto o escritor quis dizer não se tornar refém dos sentimentos em relação a pessoa amada,dasapaixonado foi usado como força de expressão

    ResponderExcluir
  25. "Siga em frente e não abra mão de seus princípios e valores. De certo modo, a sua virgindade é que mantém o seu "valor de mercado" alto para os homens. Então escolha bem a quem entregá-la ou o problema é seu. Consulte suas vós e elas poderão lhe orientar sobre suas escolhas melhor do que suas amiguinhas falsas que só querem ferrar você"

    Sinto decepcionar mas eu não sou virgem, o único homem que eu me entreguei, foi o que eu namorei por 4 anos e hoje mora fora do Brasil estudando. Mas entendi exatamente o que vc falou, obrigada.
    _____
    gileade1 disse...

    "Viviane, eu acho que no texto o escritor quis dizer não se tornar refém dos sentimentos em relação a pessoa amada,dasapaixonado foi usado como força de expressão"

    Entendi. Sou completamente contra joguinhos emocionais. Não sou perfeita, mas tento trabalhar para que a relação com meu futuro namorado/marido não seja um saco pra ele.
    _____

    Bernardo, não quero que pense que eu sou falsa, mas farei o possível, pra ser reciproco. Muitos vão me achar idiota ou falsa, mas eu acredito no amor. Mas não algo manipulatório, tendencioso com joguinhos egoístas.

    Respeito muitíssimo sua decisão contra casamentos, mas eu não perdi as esperanças. Sou apaixonada pelo tradicional, pela família (não digo que vc não seja). Não sei se vou conseguir viver só. Eu tenho certeza que eu não mereço.

    abraços

    ResponderExcluir
  26. "Sinto decepcionar mas eu não sou virgem, o único homem que eu me entreguei, foi o que eu namorei por 4 anos e hoje mora fora do Brasil estudando. Mas entendi exatamente o que vc falou, obrigada."

    Se você é sincera, não estou decepcionado. Seja sincera, honesta e congruente e nenhum ficará decepcionado. Por exemplo, fale a verdade desde logo e ele admirará você por isso. E se ele demonstrar que ama, respeita e valorize você então você pode demonstrar seu respeito e amor por ele através da sexualidade.

    Invariavelmente o sexo é a chave para o coração do homem, se for usado de uma forma coerente e honesta. O homem tipicamente demonstra amor pela mulher através de respeito, gentilezas, atenção, etc. Quero dizer: sempre que ele se demonstrar amor e respeito por você, premie ele com carinho e sexo.

    No mais, lembre-se que o homem quer uma vadia na cama que se solte totalmente SOMENTE PARA ELE, e uma dama e respeitável mulher como companheira e esposa.

    Enfim, seja sincera, honesta e coerente, mas se respeite e se valorize, procurando demonstrar que você é diferente, que não é uma mulher vulgar. Ele vai admirá-la por isso.

    ResponderExcluir
  27. DOUTRINADOR e PERITO:


    "Sempre que estiver em dúvida sobre como vencer um teste emocional, use a tática do espelho: seja frio e folgado em maior intensidade quando ela estiver fria e folgada, e fique tranqüilo e acessível em maior intensidade quando ela estiver tranqüila e acessível."

    Os livros de Nessahan Alita, de certo modo, denunciam que frequentemente a mulher não se faz à altura do amor verdadeiro ao direcionar os testes e joguinhos manipulatórios aos homens apaixonados e se entregando somente a quem souber desarticulá-los. Ou seja, entendo que Nessahan Alita procura demonstrar que quem tenta manipular acaba sendo vítima de manipulação e que cada é responsável pelas suas próprias escolhas:

    "Que felicidade seria se ambos fossem longe nessa luta e vencessem a si mesmos! Então a manipulação e a contra-manipulação perderiam todo o sentido e as contradições dos relacionamentos entre casais passariam a outros níveis!" (Como lidar com mulheres, p. 240)

    Um leitura conjunta dos capítulos 2 e 27, do mesmo livro, demonstram de forma inequívoca como a mulher frequentemente se faz material para homens dissimulados e desonestos, através de seus próprios joguinhos manipulatórios.

    Assim, penso que a grande dificuldade de um homem sincero e romântico reside na dificuldade de enfrentar os testes emocionais antes mesmo do início da relação. De certo modo, costumo dizer que as mulheres são muito honestas num relacionamento, se o homem se guiar pela sua razão e abordá-las de uma forma mais desapegada e realista. Assim, o questionamento que proponho é o seguinte:

    Se o homem é sincero com relação aos seus sentimentos na abordagem da mulher, e ela responde a iniciativa com testes e joguinhos emocionais, não está ela desde já sinalizando que é imprestável para um relacionamento com este homem?

    Então ao homem (a para a mulher) se apresentam duas possibilidades: 1) ser sincero e honesto quanto às suas intenções na abordagem e enfrentar com coragem a possibilidade de uma rejeição, fracasso ou ridicularização ou 2) partir para a manipulação ou dissimulação e assim tornar impossivel a possibilidade de alguma conexão emocional, ou até mesmo se tornar vítima de contra-manipulação (o que é mais provável).

    Mas, aparentemente, boa parte dos homens e mulheres ficam paralisados já nas primeiras decepções ou derrotas e se fecham dentro de si, projetando figuras imaginárias como o "macho alfa" ou a "femme fatale", que nada mais são que os demônios de seus medos interiores.

    Então, a meu ver, é necessária essa coragem para se movimentar e ir busca do objetivo, de uma forma coerente, honesta, se valorizando e se respeitando. Neste sentido, é útil tanto para o homem quanto para a mulher identificar desde logo se a outra parte é imprestável para um relacionamento mais definido e sincero e os joguinhos podem ser um bom indício disto:

    "A proposta aqui é a da liberdade total: deixar a mulher absolutamente livre para fazer o que bem entender com a vida dela (mas não com a nossa) e mostrar, assim, quem realmente é. O que importa é nos relacionarmos com a pessoa verdadeira que se esconde por trás da aparência e não com uma figura
    idealizada por nossos desejos e paixões. Aqueles que nutrem paixões negativas, como o ressentimento e a vingança, estão igualmente distantes de compreender nossa mensagem. Se o leitor tiver a sorte de encontrar uma mulher realmente virtuosa, sincera e honesta nos sentimentos, não haverá nenhum ardil ou artimanha a serem devolvidos ou desarticulados. Então, se ele estiver à altura desta
    mulher virtuosa, terá chegado ao paraíso." (Como lidar com mulheres, p. 241)

    Obviamente sabemos que não existe nenhum pessoa perfeita e totalmente virtuosa. No entanto, em outro livro, se não me engano, Nessahan Alita também concorda que quanto mais definida e sincera for a mulher no relacionamento, mais apta ela é para um relacionamento de longo prazo.

    (continua)

    ResponderExcluir
  28. Com relação a questão da abordagem da mulher, muitas vezes é somente isto o que separa um homem comum de um suposto "sedutor". Sabemos que hoje em dia milhares de homens, paralisados pelo medo da rejeição e fracasso, ou até mesmo por decepções amorosas, que se contentam a ficar em casa se masturbando com filmes pornográficos, para satisfazer suas fantasias "românticas".

    Então a meu ver é necessário encorajá-los a se valorizarem, a se concentrarem no que realmente desejam (que seja por exemplo, sexo casual com uma ou várias mulheres que façam sexo oral e anal com qualidade; ou então uma companheira para a vida) e a irem em busca deste desejo ou objetivo de uma forma congruente e honesta, desapegada de resultados, mas com persistência e coragem.

    Não sou contra pornografia e até penso que são benéficas aos homens pois são como que contos de romance para homens. É o que eles esperam e buscam numa mulher e não vejo nada de errado nisto. E certamente existem muitas mulheres dispostas a satisfazerem os seus desejos, desde que eles manifestem isso com confiança, desapego e sem medo de perdê-las. E se ela não estiver interessada, é o sinal de que precisam pra prosseguir a sua busca.

    Então a meu ver o medo da rejeição e do fracasso é que são os dois demônios que atormentam tanto homens quanto mulheres e que precisam ser enfrentados desde o início, antes mesmo do início da relação, na busca da sinceridade no amor.

    Neste sentido considero muito salutares e proveitos os trabalhos de David X (The Rules of David X) e Alan Roger Currie (Upfront & Straighforward e Mode One), promotores do chamado "método natural" em contraposição às imitações teatrais propostas por livros PUAs. Já estes Blogs são muito úteis para o homem e identificar desde logo uma mulher dissimulada ou manipuladora, e sobretudo saber quando ela não está realmente interessada nele através de seus sinais contraditórios (muito embora em questões de amor e relacionamentos nada é matemático e muito definido já que estamos lidando com a fluidez das emoções).

    Por isso também não sou muito fã de teorias e prefiro esquemas práticos, que seriam muito úteis para homens (sinceros) que pretendem abordar uma mulher.

    (continua)

    ResponderExcluir
  29. Por exemplo, um homem sincero e romântico poderia melhorar suas habilidades de interação social abordando e se comunicando com pessoas desconhecidas no trabalho, na rua, tanto homens quanto mulheres.

    Depois de que tiver desenvolvido um pouco melhor suas habilidades sociais, pode partir para a abordagem de mulheres em que está interessado, comunicando da forma mais direta e congruente possível quais são suas intenções e sentimentos. O importante aqui é não se preocupar com que ela pensa ou com a possível reação dela. Acredito que um grande erro dos homens é tentar compreendê-las e se adpatar a elas. O homem deve partir sempre do princípio que não interessa o que ela pensa (não temos como saber o que se passa na cabeça dos outros e nem como controlar ninguém) e estar ciente de que ele é a parte mais importante da relação (a mulher quer um homem que ela possa admirar e a quem se dedicar).

    A partir daí ele pode usar a técnica do espelho referida pelo Doutrinador e talvez fazendo mais uma ou duas investidas no máximo (ou conforme as reações dela) se ela sinalizar desinteresse ou rejeição através de joguinhos manipulatórios em que a mulher joga com a indefinição, tais:

    - Ignorar as iniciativas e contatos;
    - Não responder chamadas;
    - Nunca tomar a iniciativa de contato;
    - Interromper conversas pelo meio com uma desculpa qualquer;
    - Ela foge de você ou de seus contatos;
    - Não cumprir o que foi combinado e inventar quaisquer desculpas;
    - Demonstrar desinteresse e falta de curiosidade, gentileza e respeito;
    - Inventar desculpas para não marcar encontros.

    Identifica a persistência em joguinhos manipulatórios, rejeição ou desinteresse, o homem se recompensa por ter tido coragem e ter sido íntegro, se recupera e parte para a próxima tentativa até encontrar uma mulher que reciproque suas investidas de uma forma sincera ou que lhe agrade.

    Enfim, penso que um método pragmático é necessário para se aproveitar, por exemplo, os conhecimentos que temos através destes Blogs e transformá-los em resultados. Como dizem os ditados:

    "Ajude-se a si mesmo, e Deus ajudará você."

    "Trabalhe seriamente com os meios a seu dispor e lhe será concedido o que precisa e não tem e muito mais."

    ResponderExcluir
  30. Muito bom texto e PUA....bem, PUA é manginisse.

    ResponderExcluir
  31. Verdade! PUA exalta as mulheres e fala que os homens é que estão errados, eles que estão fracos, elas são vitimas dos frouxos. Nesses blogs vemos que a culpa é mútua. Eles nos dizem os erros de ambas as partes. Mostram que as mulheres são humanos como a gente, tão ou mais bons ou piores que a gente. Nos diz a realidade, nos agrega conhecimento, ao invés de nos enganar e tentar nos transformar em outro ser desprezando o que somos. Crítica não é desprezo.

    ResponderExcluir
  32. - Ignorar as iniciativas e contatos;
    - Não responder chamadas;
    - Nunca tomar a iniciativa de contato;
    - Interromper conversas pelo meio com uma desculpa qualquer;
    - Ela foge de você ou de seus contatos;
    - Não cumprir o que foi combinado e inventar quaisquer desculpas;

    Se ele inventa isso tudo pra ficar longe de vc mané, é por que ela literalmente nao quer saber de vc....ô lesado da porra.
    - Demonstrar desinteresse e falta de curiosidade, gentileza e respeito;
    - Inventar desculpas para não marcar encontros.

    ResponderExcluir
  33. pua e bom sim, e nem tudo q o cara fala aki tb e verdade universal, nunka ignorem algum conhecimento por completo , nem o PUA , nem O NESSAN, ambos tem sua utilidade, e si eu kise teatra pega e come uma mulher por uma noite e se essi for o que eu kise faze no dia? isso me torna um demonio do mundo? relaxem, saibam os 2 objetivos, eu to poko mi fudendo pro q cada um de vcs kerem , so facam o q keiram leia e aprendam sobre os 2, e parem de criticar praguejar e reclamar. o pua ta ali aproveitem. o nessan tb. nao seja radical de aceita um e ignora o otro, ambos tem seu valor.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Mulheres rodadas: DIGA NÃO

Como lidar com um término de relacionamento

Mangina - O que é? - Parte 1