Relacionamentos: você é um homem de ferro ou um homem gelatina?


Muitos me perguntam qual o segredo para o homem conseguir conduzir um relacionamento e garantir o respeito da mulher dentro de uma relação fixa. Obviamente não existe segredo ou milagre, mas um caminho correto. Esse é o caminho do que chamo de genuíno homem de ferro, ou pra simplificar, o homem de pedra.

Para sobreviver ao relacionamento hoje em dia, o homem deve ser como uma rocha indestrutível, um monte impossível de ser escalado e conquistado, uma montanha tenebrosa, que oferece temor ao mesmo tempo que oferece proteção.

Isso significa que esse tipo de homem não pode ser destruído jamais, em sentido emocional.
Não pode ceder a lágrimas, não pode ceder a choramingos de merda, não pode se abalar com crises nervosas, não pode cair em jogos de ciúme cretinos. Deve ser frio como uma pedra, pouco falador e jamais ser insistente.

Por exemplo, quando sua namorada/esposa fica puta, monossilábica ou tentando lhe imputar ciúmes, ela na verdade está testando sua autoridade dentro da relação. Isso mesmo, ela quer saber até que ponto pode lhe irritar para avaliar seu grau de dependência e avaliar seu valor.

Compare as situações abaixo e veja a diferença entre um homem de pedra e um homem gelatina, o típico bundão apaixonado que é presa fácil para todo tipo de joguinho emocional.


SITUAÇÃO 1:
Quando ela fica monossilábica

HOMEM DE PEDRA: Ignora e some até que ela resolva ceder. Devolve o inferno mental na mesma moeda e resiste nesta queda de braço silenciosa até que ela não suporte. O QUE COMUNICA: que não está interessado em ler mentes; que não se interessa em iniciar discussões de relação inúteis; que ela não pode lhe imputar ordens subliminarmente; que o sumiço dele é a maior punição por esse comportamento; que é perda de tempo ela fazer isso pois ele caga e anda.

HOMEM GELATINA: Fica insistindo para que ela fale o que está acontecendo, se sente culpado, fica sensibilizado e cismado, acha que está virando corno, fica completamente perdido, fica mimando a mulher feito um otário. O QUE COMUNICA: Dependência emocional, indica que está disposto a assumir a responsabilidade de qualquer crise na relação; que ela pode conseguir o que quiser mesmo sem falar uma palavra; que a ausência dela para ele constitui uma punição.

SITUAÇÃO 2:
Quando ela lhe inspira ciúmes (flertando com outros machos, aceitando assédio alheio etc)

HOMEM DE PEDRA: Não se altera emocionalmente, não fica puto de raiva, apenas lhe dá um ultimato e some, se recusa a discutir sobre o tema. Aplica a devida punição (emocional) sem piedade caso ela insista em flertar com outros após o ultimato. O QUE COMUNICA: Que não depende dela para nada; que é desapaixonado, independente e impenetrável pelo ciúme; que não a considera uma deusa única; que pode achar outra mulher quando quiser.

HOMEM GELATINA: Fica puto, com raiva, faz escândalo, xinga o assediador, fica histérico, comete crimes passionais, puxa a mulher com força para perto dele, fica dando sermão imbecil, acredita que a culpa são dos cafajestes assediadores e aceita a inocência da mulher, chora de raiva. O QUE COMUNICA: Que ela é a única mulher do mundo para ele; que ele perde o controle com um simples gesto dela; que ela pode receber assédio de outros pois o corno acreditará que ela não tem culpa; que ele não tem valor para conseguir outra mulher; que é apaixonado e não admite perdê-la; que é domado em sentido emocional e age como cão de guarda irracional.

SITUAÇÃO 3:
Quando ela fica puta, de TPM e raivosa

HOMEM DE PEDRA: Olha friamente pra mulher e a ignora; é seco, direto e indiferente nas respostas; some para se divertir em outro lugar; não abre mão de suas diversões não importa o quanto ela esperneie; não lhe dirige a palavra, não aceita discutir; a premia adequadamente com sexo e atenção quando ela volta ao normal. O QUE COMUNICA:  Que caga e anda para crises histéricas; que ela não é a única fonte de prazer no mundo; que é bom ela ficar pianinho dentro da relação para ter a companhia dele.

HOMEM GELATINA: Discute com a mulher por horas e fica com raiva, fica emburrado, chora de raiva, não se diverte com outras coisas (não tem “cabeça” pra isso), resolve agradá-la pra não vê-la ficar brava, deixa de fazer as coisas que gosta porque ela reclama, dá presentes e mima a mulher para que ela volte a lhe dar carinho.  O QUE COMUNICA: Submissão, dependência, aceitação de autoridade da mulher, que a companhia dela é essencial na vida dele, que ela está no comando, que basta ela ficar de TPM para ser bajulada pelo paspalho e tratada como uma deusa pelo parceiro babaca.

POR QUE AS MULHERES VALORIZAM AS ROCHAS EMOCIONAIS E DESPREZAM OS HOMENS GELATINAS?

Na mente feminina, a associação de medo = proteção é positiva. É isso que as fazem sentir-se atraídas por bandidos, criminosos, traficantes, líderes mafiosos, por exemplo. Sentem medo e portanto concluem que os “inspiradores de medo” são fontes de proteção caso elas estejam ao lado deles, caso consigam sua simpatia e aprovação.

Ao ser uma rocha intransponível, inabalável, independente emocionalmente da mulher, um verdadeiro Colossus emocional, você se torna um desses homens temíveis. Ao serem repelidas e punidas emocionalmente pelo homem quando ofensivas e premiadas quando dóceis, sentem proteção e segurança dignas de um pai, e uma proteção que só uma rocha inabalável pode proporcionar.

Quer ser um destes? Eis os pré-requisitos para ser um homem de pedra inabalável em sentido emocional:

- Não se apaixonar (ser independente)
- Ter consciência de que ela não é a única mulher do mundo
- Ter consciência de que o relacionamento é uma parceria e não uma união de almas perfeitas
- Ter consciência de que a mulher não é um ser indefeso, imaculado e santo
- Não ter medo de cobrar que a mulher faça sua parte dentro da relação
- Adquirir uma expectativa de vida sólida fora da relação
- Entender a mente feminina
- Ter noção de seu valor como macho e trabalhar para aumentá-lo
- Não ter medo de perdê-la

No próximo post, detalharei todos estes passos.

PS.: Quem lê esse blog e outros da esfera masculina já devem conhecer Nessahan Alita, o cara que abriu as portas para que os homens começassem a se proteger das manipulações femininas e conseguissem ser um tipo de macho além dos extremos cafajeste ou paspalhão. Em seus livros, ele ensina a se desvencilhar dos joguinhos femininos e como adquirir uma postura ideal nos relacionamentos. Recomendo a leitura de todos os livros do autor (gratuitos).


COLUNA DO DOUTRINADOR NO BLOG DO SILVIO:

* Sou colunista no blog do Silvio Koerich, o Perdedor Mais Foda do Mundo. Confiram lá minha coluna sob o marcador "Coluna do Doutrinador" ou simplesmente CLIQUEM AQUI.

Comentários

  1. Um bom resumo da teoria do desapego. O que os homens têm dificuldade para perceber é que estão sempre sendo testados dentro de um relacionamento. Porque, afinal, todos os choramingos, ofensas, chantagens e torturas emocionais são uma espécie de teste para pôr à prova a estrutura emocional masculina. Quem se deixa afetar por esses estratagemas passionais acaba caindo em descrédito.

    ResponderExcluir
  2. Excelente. Grande post Doutrina!!

    ResponderExcluir
  3. Chutando bunda de manginas, como sempre !

    Parabens

    ResponderExcluir
  4. Grande post.

    Pena que 5% dos homens conseguem agir assim.

    A maioria sucumbe.

    ResponderExcluir
  5. Muito bom o texto, um dos melhores. existem muitos textos falando pra fugir de relacionamento, mas faltam textos assim sobre como dominar o relacionamento.

    ResponderExcluir
  6. Texto exímio.

    Não ter medo de perdê-la é um fator determinante.

    ResponderExcluir
  7. boa doutrina,meteu a real mais uma vez,as vezes minha namorada tbm fica monosilabica,agora ja sei o q fazer....muito obrigado cara

    ResponderExcluir
  8. Uma linguagem viril capaz de despertar qualquer banana.

    ResponderExcluir
  9. 1- eu digo: se vc continuar com raivinha e cara da c**, vo embora, viu??

    2 - eu digo: cada cabeça uma sentença...

    3 - ...vo no bar, toma "uma", dai quando o chico for embora, a gente conversa...

    4 - ... www.bfskblog.blogspot.com - vo fazer mais um post, quando vc estiver melhor, dai a gente se vê!

    ResponderExcluir
  10. Doutrina se superando a cada post. Boa, man!

    ResponderExcluir
  11. Muito bom o texto. Como homem-gelatina que ainda sou percebo muitos erros que cometi nos 9poucos) relacionamentos que tive. Eu via a maneira que meu pai trata a minha mãe e não entendia como eles nunca tinham se separado, pois sempre foi grosso, bruto, etc. mas nunca ficou por baixo e sempre foi respeitado.

    ResponderExcluir
  12. Se todos os homens fossem mais racionais e frios, as mulheres abaixariam a bola com certeza. O que quebras as pernas sao esse bando de bobos da corte que estragam as mulheres.

    ResponderExcluir
  13. Não tem jeito, a base é o desapego e por isso é muito difícil de se por em prática embora não impossível. Muitos de fato sucumbem porque não tem isso como alvo principal que torna todo o resto possível! Espero que muito leiam este post e os livros de Nessahan, sair da matrix é difícil, mas não impossível. Viver nela é a pior das coisas!!!

    ResponderExcluir
  14. O homem contemporâneo precisa aprender a abdicar um pouco do ideal romântico. Se o homem busca na industria cultural do erotismo uma válvula de escape para tensões de ordem afetivo-sexual, a mulher tem um equivalente - a literatura romântica, os filmes românticos, poesias com viés erótico (mas singelo). Vemos que apostar cegamente numa diretriz romântica somente trará desgostos num relacionamento. O homem precisa aprender a dizer não e esquecer o ideal cavalheiresco de duelos com adversários por uma dama da corte...O ideal é a utilização de uma metodologia que mine as forças deste egoísmo construído através da ideologia feminista e já disseminado pela indústria cultural. Não digo que deve-se voltar a um referencial tosco de relacionamento, onde a mulher deva ser algo inferior e subjugado. Mas é preciso postura. Se num relacionamento o homem se sente deslocado ou então a parceira o desprezou por nenhum motivo aparente (sem que o relacionamento estivesse desgastado), ele precisa tomar uma atitude. Pode ser o rompimento temporário ou definitivo. Rompeu, rompeu. Se você pensa em voltar, dê um molho de um , dois, três meses, mas assuma essa postura. Se ela ligar (mulheres geralmente fazem isso quando o homem toma a postura pelo rompimento), não atenda, não ceda a tentações, mesmo que você goste dela. Isso demonstra que você tem outras prioridades além dela, pois na vida ninguém é de ninguém, a gente se relaciona para ser feliz e não o contrário. Se depois desse tempo, você ver que o relacionamento pode ser reatado o faça, senão, não tente. Isso pode ofender o orgulho dela definitivamente, mas faz parte. Aonde está escrito que a mulher não merece ser frustrada quando age de má fé?

    ResponderExcluir
  15. ha pouco tempo descobri por acaso o seu blog. De verdade, acho suas idéias muito legais! Agora me diz, com sinceridade, qual é o nome da mulher que quebrou seu coração?

    ResponderExcluir
  16. De homens rudes idiotas assim eu tô fora!
    Como você bem disse, relacionamento é companheirismo e cumplicidade. Se querem dominar a relação é por puro egoísmo e insegurança. De que adianta demonstrar frieza se esse não é o sentimento que vocês sentem?
    Você reclama que as mulheres se sentem o centro do universo, enquanto que agindo assim, você demonstra que você se acha o centro do universo.
    Pra mim não passa de dor de cotovelo de quem já não tem mais o domínio sobre nada.
    Eu sou uma mulher independente, trabalho, estudo, pago as minhas contas e não aceito sequer 1 centavo do meu namorado.
    Sou à favor da igualdade e do respeito. Você por acaso le lembrou do quanto as mulheres já sofreram no passado por causa dos poderes concedidos aos homens? Já ouviu falar sobre como é a vida das mulheres nos países de cultura muçulmana, das humilhações e castigos sofridos por essas pessoas? Não acha melhor promover a paz e a igualdade de direitos num mundo onde a crueldade e as injustiças já estão reinando?
    Porque enfatizar mais ainda a violência?
    Se o mundo tivesse aproveitado a inteligência e capacidade feminina, teríamos hoje um mundo com o dobro de desenvolvimento. Sem contar que se os homens tivessem metade da sensibilidade ao próximo que as mulheres têm, não teria havido sequer uma guerra no mundo.
    Acho que perde seu tempo criticando as mulheres, nunca se esqueça que você saiu de dentro de uma.

    ResponderExcluir
  17. Que legal. Falar sobre como se domina um relacionamento é violência, porém aplicar joguinhos psicológicos não é. Bastante coerente Srta Anônima

    A propósito, o namorado dela é algum Homem Rocha.

    ResponderExcluir
  18. Doutrina, primeiramente parabens pelo blog, sou leitor do blog do Silvio, e o seu eh muito foda tb, meteno a real sem dó, ótimo post!

    ResponderExcluir
  19. mais uma mulher com o discurso vitimista, agora me responda mocinha quem foi durante seculos massacrado em guerras, trabalhos perigosos e maltratos aguentando calado, para manter a familia e asociedade erguida, te garanto que não foi a sua avÔ Hippie maconhera de Universidade, esse papo de mal trato e opressão não cola, se as mulheres são opriminadas os homens tb são, e esse negocio que homem pode tudo é mentira, nem mulher nem homem podem tudo, os dois tem direitos e deveres, e noa podem ser considerados iguais mas sim diferentes, porque não diferentes e nunca serão igauis.

    ResponderExcluir
  20. Veio mto inspirador esse texto, lendo agora parei para fazer um retrospecto e ver como fiz merda...

    Mas a vida é assim, na próxima já vou ser um homem de ferro.

    ResponderExcluir
  21. Excelente post como sempre!
    Meu casamento acabou há 6 meses, motivo?! Eu ERA um homem gelatina.

    ResponderExcluir
  22. começei a ler seu blog por acaso, claro que muito daquilo que vc diz é fato.
    Porem pessoas são pessoas e jamais podem ser manipuladas ou desvendadas...
    fiquei curiosa. Vc deve ter levado muito fora de mulheres para escrever com tanto sentimento assim.Por que será que vc se arma tanto assim?

    ResponderExcluir
  23. Descobri teu blog há pouco tempo... há menos de 1 mês. E creio que essa discussão meio que está encerrada, tendo-se em vista que a última postagem é do começo do mês passado.

    Mas eu tenho algo a dizer pra essa ''anônima'' imbecil que veio trollar nesse post:

    PÁRA DE MENTIR, SUA FEMINAZI VAGABUNDA!!!!!

    Diz que ''não aceita nenhum centavo do namorado''

    Você pensa que engana A QUEM aqui??? Todo o seu post denuncia que você mente, pois suas reivinicações são típicas de feministas safadas que querem igualdade somente no que convém. Aí mente, baseado numa verdade, para mostrar que não faz parte do grupo ao qual a gente faz referência, quando na verdade é mais uma.

    ResponderExcluir
  24. Se o mundo tivesse aproveitado a inteligência e capacidade feminina, teríamos hoje um mundo com o dobro de desenvolvimento. Sem contar que se os homens tivessem metade da sensibilidade ao próximo que as mulheres têm, não teria havido sequer uma guerra no mundo.
    Acho que perde seu tempo criticando as mulheres, nunca se esqueça que você saiu de dentro de uma.
    <<<<< QUE CAPACIDADE????? SE NÓS HOMENS INVENTAMOS ATÉ O PAPEL PRA VCS FEMINAZES LIMPAREM A BUNDA

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Coisas que você precisa aprender: agir como homem

Mulheres rodadas: DIGA NÃO

Mangina - O que é? - Parte 1