Coisas que me irritam: pseudo-sensíveis ao sofrimento humano

Vou dar uma pausa nas minhas teorias de macho pra postar sobre algo que me irrita, me arrepia os pelos do saco e faz minhas veias saltarem mais que creatina. Os pseudo-sensíveis ao sofrimento humano.

Antes uma estória. Uns mineiros estavam trabalhando quando de repente, dá alguma merda. Ouvem um estrondo e tal. São quase soterrados. Ficam lá no buraco esperando ajuda e conseguem. Cavam um buraco. Tiram os caras de lá. Fim.

Pra mim, isso já é o bastante de informações. Aliás, pra todos, menos os sensacionalistas de merda que fingem ser "sensíveis" e portanto ficam o dia todo falando disso. Não preciso ver 24hs por dia o que eles estão fazendo no buraco, como faziam pra cagar lá etc. Os caras foram soterrados, mas foram salvos. ACABOU. Não quero ligar a Globo News e ver gente burra e fútil falando o dia todo sobre buraco e mineiro, "ai estão tirando mais um", "ai olha lá eu vi um cabelo se mexer na cápsula", "ai vou gozar" com a apresentadora do jornal quase tendo um orgasmo. No máximo, verei o filme disso daqui uns anos. Chega, imbecis.

Hoje no Jornal mostrou um cara indo lá na casa de um mineiro mostrar onde ele mora, o que ele gosta de comer, que comida a mãe dele faz, onde o cara vai quando sente fisgadas no abdômen da natureza chamando. Ora vai se fuder.

Mas o interessante nisso é ver os pseudo-sensíveis, gente burra que diz que é sensível e que está preocupada com o sofrimento humano, por isso não param de falar no caso o dia todo. Hahaha.

Esses são os mesmos que quando você é abordado por algum marginal na rua, fingem não olhar, saem correndo deixando você se fuder ou atravessam a rua fingindo que não é com eles.

Esses são os mesmos que dão um "jeitinho brasileiro" pra tudo e prejudicam outras pessoas, passam a perna, mesmo sabendo que pode deixar alguém com dificuldades financeiras. Foda-se, o que importa é meu bolso.

Esses são os mesmos que assistem tragédias, calamidades e ficam preocupados, mas não levantam a bunda do sofá pra nada, não fazem porra nenhuma pra ajudar, na hora de votar e fazer algo votam em Tiririca.

Esses são os mesmos que ficam o dia todo vendo na TV e falando no caso Nardoni, Richthofen, João Hélio, Mércia, mas duas semanas depois cagam e andam e esquecem como se nada tivesse acontecido.

Esses são os mesmos que furam fila em bancos, acham celular e não devolvem pro dono, acham carteira na rua mas pegam a grana e ainda pedem resgate, pouco se importando se está prejudicando alguém ou não, em respeitar o direito do próximo. Se um dia eles caírem num buraco quem sabe eu pense neles por 1 semana ou 2 no máximo.

Então façam-me o favor, parem de falar em mineiros em buraco, mostrando onde eles cagavam, procurando onde eles vão dar palestras, tendo orgasmos com as notícias enquanto está com a bunda sentada na cadeira do PC comendo Fandangos e não faz porra nenhuma pelos outros.

Me deixem em paz. Da próxima vez que alguém aparecer no jornal e você ficar todo sensibilizado, pense nas pessoas em sua volta e pare de ser um cuzão e cuzona que passa a perna em todo mundo mas na rodinha de happy hour do trabalho diz "ai gentsy, tadinhos dos mineiros".

OBS.: A propósito, só tinha homens trabalhando naquele buraco né. Cadê as feministas pra exigir direitos iguais de ir pra um buraco correr risco de morrer soterrada? Ah não, só querem os cargos gerenciais né? Vão se fuder também.

A quem me acompanha, aguardem novidades nos próximos dias a respeito do blog.

Comentários

  1. Incrivel que quando essas merdas acontecem, aparecem os pseudos certinhos.

    São os mesmos que falam de humanismo ficam horrorizados com qualquer tragédia, mas na de verdade tão pouco se fudendo pros outros.

    ResponderExcluir
  2. Incrível como nessas horas todo mundo fica mais humano e solidário. Mas só em cima do sofá de suas casas e nas inúteis conversas de esquina, é claro. Incrível como o ser humano tem uma necessidade mórbida de mostrar-se bonzinho pros outros mas acabam se contradizendo com suas atitudes.
    Muita hipocrisia, todos estão pouco se lixando para aqueles mineiros.

    E curioso que em tempos de mulheres ultra-fodonas,independentes e bem resolvidas os empregos de maior risco como esse continuem sendo exercidos por homens. Mas por um lado isso é bom, pois se fossem mulheres soterradas a caralhada de vitimismo, babação de ovo e manginismo seria insuportável.

    ResponderExcluir
  3. opaa, aguardando as novidades do blog!

    abração doutrina tu eh foda seu cagalhão!

    ResponderExcluir
  4. Tirando o comentário final, eu concordo em número, gênero e grau!
    Esse post foi salvo no meu google reader!
    Um ótimo fds,
    Baccini.

    ResponderExcluir
  5. "OBS.: A propósito, só tinha homens trabalhando naquele buraco né. Cadê as feministas pra exigir direitos iguais de ir pra um buraco correr risco de morrer soterrada? Ah não, só querem os cargos gerenciais né? Vão se fuder também."

    Hahahaha, a melhor de todas!

    ResponderExcluir
  6. Grande Doutrina

    O Brasil é um país com gente medíocre ... qdo aparecem os escandalos do governo ngm faz nada, mas deixa o Curintia perder pra ver a zona que é !

    Cara, tive o prazer de morar na Europa por 5 anos, e não foi meu papai quem pagou .... consegui uma bolsa européia, fui na raça, passei fome, fui ridiculzarizado por não falar os idiomas corretamente, mas depois as mesmas pessoas que riam de minha cara foram me parabenizar pelo meu esforço e pelo trabalho que fiz. Lá eu podia conversar coisas úteis com meus colegas .... ficavamos horas discutindo filosofia, história e afins.
    Qdo voltei, fui com uma galera no buteco e qdo acabei de conversar, me chamaram num canto pra dizer que meu papo tava muito chato .... porra, a galera passou a noite inteira só falando em Curintia, BBB e festa que aconteceu a 10 anos atrás ..... nunca mais sai com essas diabas.

    Vai demorar muito pro brasileiro ter cultura !

    ResponderExcluir
  7. Falou a pura verdade nesse post!

    Mas eai, abandonou o blog, vai deletá-lo??
    Vi no blog do Sílvio que tu virou colunista dele, ficara nesse projeto + o Formspring(excelente por sinal)??

    T+.

    ResponderExcluir
  8. Foda, Doutrina. Meteu a real mesmo. Fica o recado pra Dona Sôni Abrão, Gugu e outros merdas da televisão brasileira.

    ResponderExcluir
  9. doutrina,uma das coisas que mais me irritou foi o caso nardoni,um bando de retardado comemorando e soltando fogos com a sentença de q ele havia sido condenado...aaaaaaaaaahhhhhhhhh povo inutil

    ainda me mudo pro uruguai

    ResponderExcluir
  10. caralho doutrina, entedi a msg. mas seus comentáriosão muito fraquinhos, vamos trabalhar pra melhorar cara. temas massa, porém argumen´tação muito, mas muito fraquinha, rapaz. melhora essa porra aí seu merdalhão. o tema foi legal e a observação também. boa sorte nos outros post, pense e releia ses comentários seu cargalhão. abração cara!

    ResponderExcluir
  11. opa doutrina! você não merece mais nada, doutrina. vocês estragou sua copa do mundo, doutrina!

    ResponderExcluir
  12. exelente post doutrina,esse vitimismo falso das pessoas é foda mesmo,da raiva pra caralho...a onde nós vamos parar?nao aguento mais...quero morar num lugar bem afastado da civilizaçao,bem no meio do mato

    ResponderExcluir
  13. O 'obs' foi o melhor hahahahahahahahaahahah

    ResponderExcluir
  14. Muito bom o 'obs' Doutrina, as feminazis querem é isso: que os homens se fodam em buracos e morram soterrados, enquanto elas ficam aki em cima enchendo o saco. Parabéns!

    ResponderExcluir
  15. Muito bom , concordo completamente.
    Pode-se ver um pouco disso nas eleições , onde o povo luta pra tirar aquele filha da puta que está roubando seu dinheiro todo e nas próximas eleições já elegem o mesmo filha da puta , às vezes até pra cargos superiores.O povo brasileiro deveria aprender a lembrar do passado , isso sim.Mas não fazer de tudo um escândalo , que nem mãe : "Hoje foi o primeiro dia que o pedrinho cagou" ; " Hoje foi o primeiro dia que ele cagou no trono " .
    E para completar , final épico rs

    ResponderExcluir
  16. Puta que pariu falou tudo.

    Karalho eu não suporto esses hipócritas. Ainda tem coragem de me chamar de insensível quando falo que acho babaquisse esse sensacionalismo todo. Quando jogo na cara a real ficam assustadinhos e depois ficam falando PELAS COSTAS que eu não tive amor e carinho dos pais ou era rejeitado na infância.

    Arrebento vocês, malditos.

    ResponderExcluir
  17. É exatamente esse tipo de dualidade ideológica que costumamos tratar no blog TPM. É comum o indivíduo ser defensor dos direitos humanos, mas fechar o vidro na cara da criança pobre e ter nojo dos nordestinos que se mudam pro sudeste. Também é muito comum ver pessoas que dizem se preocupar com o futuro do planeta, mas que ostentam um padrão consumista de desperdícios. E acima de tudo está o oportunista, sobre o qual já tratamos no blog TPM em um post especial, dê uma olhada:

    http://guiatpm.wordpress.com/2009/12/07/ser-oportunista/

    ResponderExcluir
  18. verdade essas pseudo sensiveis sao fodas... tipo ficam me mandando aquelas merdas com o pessoal da etiópia passadno fome e tal... e sao umas futeis baladeiras consumistas... nao fazem nada pra colaborar com esse povo e ficam enfiando fotos assim no orkut... ou me enviando em msg... isso é hipocresia demais!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Mulheres rodadas: DIGA NÃO

Como lidar com um término de relacionamento

Mangina - O que é? - Parte 1